noticias662 Seja bem vindo ao nosso site PORTAL E RÁDIO WEB PICOS MAIS!

Piauí

Projeto que mudaria carga horária de professores da Uespi é retirado de pauta, confirma líder

Publicada em 25/02/24 às 21:38h - 9 visualizações

PORTAL E RÁDIO WEB PICOS MAIS


Compartilhe
Compartilhar a noticia Projeto que mudaria carga horária de professores da Uespi é retirado de pauta, confirma líder  Compartilhar a noticia Projeto que mudaria carga horária de professores da Uespi é retirado de pauta, confirma líder  Compartilhar a noticia Projeto que mudaria carga horária de professores da Uespi é retirado de pauta, confirma líder

Link da Notícia:

Projeto que mudaria carga horária de professores da Uespi é retirado de pauta, confirma líder

Foto: Arquivo/ Cidade Verde


Por Paula Sampaio

Foi retirado de pauta na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) o projeto de lei complementar do Governo do Estado, que tinha como objetivo fazer mudanças na carga horária dos professores da Universidade Estadual do Piauí (Uespi). A informação foi confirmada, na tarde deste domingo (25), pelo líder do governador Rafael Fonteles (PT), o deputado Fábio Novo (PT).

A proposta enviada pelo governador à Alepi fixava cargas horárias específicas tanto para professores em Regime de Dedicação Exclusiva (DE), quanto para aqueles em Tempo Integral.

No caso dos professores em Regime de Dedicação Exclusiva, passariam a ter 16h semanais dedicadas ao ensino e as demais horas destinadas à pesquisa, extensão, orientação acadêmica e funções administrativas, desde que devidamente comprovadas.

O projeto também proibia totalmente que a quantidade de horas semanais destinadas ao exclusivamente ao ensino poderiam ser reduzidas ou utilizadas em outro seguimento.

Professores contestam mudança

Foto: Paula Sampaio/ Cidade Verde

Professores ligados a Uespi deflagaram greve há mais de 50 dias. Na pauta da paralisação das atividades, além de um reajuste de 22% também pediam que o projeto em questão fosse retirado de pauta na Assembleia Legislativa.

A matéria já havia sido lida em plenário e aguardava parecer na Comissão de Legislação e Justiça da Alepi para prosseguir para votação dos deputados.

Em entrevista anterior ao Cidadeverde.com, a professora Lucineide Barros, explicou que que a rigidez na distribuição da carga horária, com uma quantidade fixa de horas dedicadas ao ensino, poderia transformar as universidades em instituições mais voltadas apenas para o ensino, em detrimento da pesquisa e da extensão, o que poderia comprometer sua identidade e função no contexto acadêmico.

“Essa matéria deveria ter sido discutida amplamente na universidade antes de virar projeto de lei. A universidade é organizada em três seguimentos, que é o ensino, a pesquisa e a extensão, são os pilares, por esse projeto de lei ficaríamos sem tempo para realizar a pesquisa e a extensão, é tirar o caráter de universidade e passar a ser uma escola”, criticou.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (89) 99928-8450

Visitas: 21965
Usuários Online: 6
Copyright (c) 2024 - PORTAL E RÁDIO WEB PICOS MAIS
Converse conosco pelo Whatsapp!