noticias Seja bem vindo ao nosso site Portal e Rádio Web Picos Mais!

Saúde

Sobem para 7 casos confirmados de varíola dos macacos no PI

Todos os casos confirmados são do sexto masculino. Os casos foram registrados nas seguintes cidades: Batalha (1), Parnaíba (1), Teresina (5)

Publicada em 06/09/2022 às 08:02h

por Portal e Rádio Web Picos Mais


Compartilhe
Compartilhar a notícia Sobem para 7 casos confirmados de varíola dos macacos no PI  Compartilhar a notícia Sobem para 7 casos confirmados de varíola dos macacos no PI  Compartilhar a notícia Sobem para 7 casos confirmados de varíola dos macacos no PI

Link da Notícia:
Virtex
Chagas Vieira

Sobem para 7 casos confirmados de varíola dos macacos no PI

No Piauí, subiu para sete o número de casos confirmados da varíola dos macacos, segundo os dados divulgados nesta segunda-feira (5) no Painel Epidemiológico Monkeypox, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi).

Acesse aqui o painel.

Até o momento foram 92 notificações, 43 casos suspeitos, 1 caso provável e 41 descartados.

Todos os casos confirmados são do sexto masculino. Os casos foram registrados nas seguintes cidades: Batalha (1), Parnaíba (1), Teresina (5).

Sintomas

Infográfico mostra informações sobre transmissão e sintomas da varíola dos macacos — Foto: BBC
A doença é transmissível de paciente para paciente, principalmente na fase em que as feridas características da varíola murcham. As erupções — que podem ter aparência levemente diferente em tons de pele distintos — podem contaminar as roupas e os lençóis.

É preciso contato próximo e prolongado (muitas vezes com a pele) de uma pessoa infectada. No momento, existem muito poucas pessoas no mundo com a doença, o que significa que as oportunidades de contágio não são muitas.

Se você tiver contraído a varíola dos macacos, a primeira coisa que irá notar são sintomas similares à gripe — cansaço, mal-estar geral e febre. É o que os médicos chamam de “período de invasão” da doença, quando o vírus entra nas suas células.

Dentro de 1 a 3 dias (às vezes mais) após o aparecimento da febre, o paciente desenvolve uma erupção cutânea, geralmente começando no rosto e se espalhando para outras partes do corpo.

As lesões passam por cinco estágios antes de cair, segundo o Centro de Controle de Doenças (CDC) dos Estados Unidos. A doença geralmente dura de 2 a 4 semanas.

Veja os sintomas iniciais mais comuns:

febre
dor de cabeça
dores musculares
dor nas costas
gânglios (linfonodos) inchados
calafrios
exaustão

Como se proteger

O uso de máscaras, o distanciamento e a higienização das mãos são formas de evitar o contágio pela varíola dos macacos. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) reforçou a adoção dessas medidas, frisando que elas também servem para proteger contra a Covid-19.

Fonte: G1




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (89)99432-2914

Visitas: 1689496
Usuários Online: 132
Copyright (c) 2022 - Portal e Rádio Web Picos Mais - Foi Muito Bom ter Vocês Conosco Volte Sempre: Equipe/ Portal e Rádio Web Picos Mais FM
Obrigado por entrar encontato com agente, nossa equipe entrarar encontato assim que possivél